Melhor Sex Shop virtual!

domingo, 17 de novembro de 2013

Leitora Safada: Comendo até a bundinha (Parte 4)

Queridos leitores, os meus relatos de quando fui para Minas me encontrar com uma leitora está chegando ao fim, portanto, caso não leram as últimas postagens, segue os links:

Parte 1: Cheguei em Minas, fodi a minha leitora no sofá da casa dela, e rimos das loucuras
Parte 2: A levei para cama, comemos e continuamos na boa e velha fodelança!
Parte 3: Fode mais, a noite chega e o cuzinho é prometido! Hora de foder ainda mais!

Parte 4: 

Fiquei louco com a espanhola feita pela Leitora, e ela saciada pela goza em todo o seu rosto. Ela riu deliciada e eu desci de cima dela contente por aqueles seios gostosos. Ela começou a lamber a porra jorrada em sua casa e começou a engoli-lo. Achou o gosto ruim e riu. 
Se aproximou para me beijar, e pediu para ir tomar um banho. Sussurrou no meu ouvido:
_Vo limpar direitinho minha bunda, porque a noite ela é toda sua Edgar. 

A promessa desse cuzinho me deixou de pau ereto. Quando ela entrou no banho, acabei vendo ela se olhando no espelho, apalpando os seios. Quando me viu, ficou corada de vergonha. Não ri da situação, apenas sorri para ela, dizendo que estava tudo "ok". Agarrei a Leitora Safada por tras e ela já agarrou os meus braços. Comecei a beijar a sua nuca e ela foi delicadamente encaixando a sua bunda no meu pau. Meu pau não cansou da ultima gozada, estava ereto e grosso. Fui debruçando ela na pia do banheiro e ela rindo. Se olhando no espelho todo o tempo.  

Ela empinou bem a bunda para mim, ali naquele banheiro pequeno do quarto dela, comecei a meter na sua bucetinha, ainda molhada da masturbação passada. 


Ela debruçada na pia do banheiro, não largava os olhos do espelho. Ora me olhava e ria, ora olhava pra si mesma e gemia ainda mais, de boca aberta. 
Não parei de fode-la, ate ela começar a goza ainda mais. Suas gozadas começavam a escorrer pela perna, e eu percebi que não gozaria tão cedo, mas, queria me garantir. 
Ainda tinha vitamina que fiz de tarde, a base de amendoim, pra aguentar aquela gostosa a noite toda. Então, a beijei enquanto a fodia ali no banheiro, e tirei meu pau de dentro dela. 
_Toma seu banho, gostosa, que eu vou me preparar para você. 

Percebi que ela nunca havia fodido se olhando no espelho, e ficou deliciada com a situação. Nem ligou de estar com a cara ao lado da torneira da pia do banheiro, o que importou com o pau na buceta, e o meu saco batendo na sua bunda empinada. 
Ela tomou o banho e eu fui para  cozinha, tomei a vitamina, e meu pau, ereto, não iria cansar tão cedo. 

Quando voltei para o quarto, ela já estava terminando o banho, fiquei ali deitado na cama, esperando-a. Ela saiu do banheiro, com todo aquele ar de mulher poderosa. Se deitou na cama e eu já fui alisando sua pele, passando a mão no seu quadril, e na sua cintura, subindo para sua nuca e a beijando bem demorado. 

Ela logo foi tomando atitude, se deitou de bruço e ficou com a bunda bem empinada para mim. Começou a se masturbar bem de leve, e sua buceta já foi se abrindo e ficando cada vez mais molhadinha. Eu cai de boca naquela buceta gostosa sendo masturbada, e aos poucos fui chupando o seu cuzinho. 

E ela ia se masturbando cada vez mais forte, e mais gostoso. Seus gemidos começaram a ficar um pouco mais altos e eu comecei a enfiar a minha lingua no se cu. O cuzinho virgem da Leitora Safada, muito apertadinho, nem chegava a se abrir com a excitação. Enfiei alguns dedinhos na sua buceta e comecei a movimenta-lo bem de leve. 

Os gemidos só aumentando, e então, mais uma lambida no cu e mais uma forçada de lingua na bunda dela. Aos poucos ia sentindo aquele cuzinho se abrindo, e ela gemendo. Ora ria e dizia que aquilo ela nunca tinha feito antes, e que estava nervosa. 


Salivei no seu cu e comecei a colocar o dedo indicador dentro dela. Também coloquei o dedo do meio na sua buceta e comecei a movimentar a minha mão, para dentro dela nos dois orifícios. Ela começou a rebolar de leve com a minha mão, e a sua masturbação em cima do clitóris não parou. Me posicionei atras dela, ela ainda de quatro para mim, e comecei a esfregar o meu pau em sua buceta. Molhada e aberta. E ia passando, esfregando meu pau no seu cuzinho fechado e agora todo salivado. Ia esfregando da buceta para o cu e do cu para a buceta, bem de leve. Até que ela abriu bem a bunda e disse que já estava pronta. Pedi para ela relaxar bem, e ela ouviu bem o meu pedido, senti que seu cu deu uma relaxada, e então, comecei a penetra-la.

Sinceramente, penetrar o cuzinho da Leitora foi muito mais fácil do que outras bundas que já comi antes, comecei a bombar bem de leve e ela só escondendo gemidos. Não parou de se masturbar por nenhum minuto, e sentia a sua buceta bem molhada enquanto penetrava a sua bunda, bem devagar, sem machucar. Aos poucos ela foi se acostumando com o meu cacete. Agarrei os seus seios e ela já ficou de joelhos na cama, continuei metendo na sua bunda e ela gemendo, cada vez um pouco mais alto. Fui percbendo que o seu cu foi deixando de ficar apertado e a sua buceta foi ficando ainda mais molhadinha. Comecei a meter ainda mais fundo naquele cu, e quando estocava, ela ia gemendo e dando gritinhos. Ria e olhava para mim com cara de safada. 

Comecei a aumentar a velocidade das metidas e ela logo deu um pulo para longe do meu pau, dizendo que não aguentava. Senti a sua buceta tremendo e seu corpo todo arrepiado. Ela havia gozado com as minhas estocadas na bunda. 

Me deitei na cama e a beijei novamente, falei para ela vir por cima, e sem hesitar, subiu em cima de mim. Foi gemendo com tudo, e encaixando o seu cu em cima da cabeça do meu pau. Ela foi se masturbando, enfiando o dedo na buceta enquanto o meu pau ia entrando lentamente na sua bunda. 

Foi entrando sem dificuldades, mas o seu cu me apertava o pau, que me fazia delirar. Mal notei quando estava gemendo alto e de olhos fechados, delirando. Ela olhou para mim e ficou fora de si. Ficou corada ao ver como eu estava delirando comendo o seu cu. 


Ela ficou se masturbando enquanto eu mexia meu quadril estocando o seu cu. Ela em cima de mim, começou a gritar um pouco mais, e logo se virou para continuar me beijando. Desesperada por mais pica, sua boca estava molhada, assim como o seu corpo com nosso suor misturado.


Ela se sentou em cima de mim e começou a rebolar o quadril. Quase enlouqueci, quase gozei. Mas segurei. Como que em 30 minutos de estocadas no cu dela, ela começou a me dominar. Começou a rebolar em cima de mim, e o meu pau chegando no limite. 


Agarrei ela por trás, e abracei seus seios enormes, mordi a sua nuca e ela, rouca de tesão, pediu para eu deixar um chupão.
_E o que você vai falar para o seu marido? 
_O corno não vai nem ver, me chupa.

Deixei um chupão bem na nuca da safada, e ela se arrepiou inteira. Não preciso nem dizer que seu cu me apertou tanto o pau, que acabei gozando dentro dela. 
Larguei ela do meu lado e tirei meu pau do seu cuzão, agora desvirginado. E ela logo pulou para cima de mim e me beijou. 
Meu pau continuou ereto, e enquanto ela fazia graça em cima de mim, me beijando, e me mordendo o pescoço, eu já fui enfiando meu cacete duro e gozado na sua buceta de novo, para novas estocadas fortes na buceta. 

Ela continuou me mordendo e rebolando em cima do meu pau gozado. 


 Eu bombei no seu cu e na sua buceta com ela de quatro, encostada nos travesseiros empilhados na cama. 



Continuei com o pau ereto enquanto a minha porra começava a pular para fora da cabeça do meu pau, mas ela, toda insaciável, continuou querendo mais. Mais pica e mais estocada na bunda. Continuou saltando em cima de mim. 


Quando ela voltou a ficar de quatro, comecei bombando ainda mais naquele cuzão que já estava gozado e lubrificado o suficiente para estoura-lo. Meu pau não se cansava por causa de tantas vezes já gozado no dia. E quando eu parava de meter no cu, eu pulava para a bucetona aberta e preta da Leitora. E ela gritando de prazer, revirando os olhos, a todo momento. 


E quando ela cansava de ficar por baixo ou por cima, ficamos de ladinho. Ela abrindo bem a sua bunda para eu ir metendo com a minha vara dura e gozada no seu cu, enquanto ela, com a cara toda cansada e o corpo todo suado, ia recebendo a minha tora na xana e na bundinha. 
_AAAAAAH, Edgar, continua, tá muito bom essa pica no meu cú. Ai, porque que eu não dei o cu aaaantes!!! Gemia ela, quase chorando por não ter dado a bunda antes. 


Olhei para o relógio e já era 3 horas da madrugada. Eu já havia comido ela em todas as posições, e ela já tinha gozado tantas vezes que até já tinha perdido a conta. Estávamos numa sincronia tão gostosa que não cansávamos nunca. Podíamos continuar metendo até o sol raiar, que ainda seria pouco. 

Até que comecei a estocar muito forte, e muito rápido na sua buceta. Saia de sua buceta e começava a estocar o seu cu. Ela ia delirando e gritando de prazer. Meu pau estava todo gozado, e a sua bunda estava toda aberta. Eu beijava e chupava a sua língua e ela ia rebolando em cima do meu pau. Com minha pica estocada no cu ou na buceta. 


Eu estoquei tanto no seu cu e na sua buceta, que sentia meu pau amolecendo, apesar do pique em que estávamos, e a sua bunda toda vermelha de tanto que eu bombava. Ela começou a dizer que não conseguia mais sentir da sua cintura para baixo, e então foi hora de gozar. 

Tirei meu pau já gozado do seu cu lambuzado de porra, e me sentei na cama. Ela sem mover o corpo, começou a sugar as minhas bolas, começou a sugar a cabeça do meu pau, e logo enfiou ele todo na sua boca. Gozei na sua goela. Ela tirou o meu pau da sua boca e eu continuei gozando, feito um louco. 

Depois que gozei, vi ela fechando os olhos e dormindo, exausta. Suada no corpo todo, gozada na cama toda. Olhei para a janela do quarto e vi o suor pingando no quarto. O meu corpo todo suado e também pingando, acabei dormindo nu, com ela segurando meu pau gozado. Exausto.

---

Pessoal, próximo post, já é o ultimo dessa minha linda história de sexo com a Leitora Safada que tivemos neste mês de outubro.


15 comentários:

  1. Ler tudo isso tá me deixando malucaaaaaaa.....
    rs
    bijim...
    Mineirinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaah, que bom que estou te deixando malucaaa. É assim que eu gosto, deliicia!

      Beijin linda.

      Excluir
    2. Gosta né???!!!! Sr. Edgar....
      Pensamentos soltos aqui viuuuuuu....rs

      beijooos
      Mineirinha

      Excluir
    3. oooh, como eu torço para estar nestes pensamentos soltos aí!!!

      Beijoos!

      Excluir
    4. sinto muito te informar....mas está viu.....rsrs

      bjim....
      Mineirinha

      Excluir
  2. Sabe, eu tinha um namorado que enfiava 2 dedos na minha buceta e 1 no meu cu, eu chupava o pau com mais vontade ainda - ele gostava das cócegas na cabeça do pau devido aos gemidos abafados!
    Pelo que li, vc é um exímio comedor de cu! Fiquei com ganas de conceder-lhe a graça de ser meu primeiro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo menos eu tento ser um bom comedor de cu. Não que eu seja tão experiente como comedores de cús oficiais por aí. Mas aprecio com moderação o que toda mulher tem de melhor.
      Olha Chocolícia, de ti, aproveitariia tuudo. Até se já pudesse colocar o dedo mindinho nessa tua bunda, eu já seria um homem eternamente feliz!

      Fico honrado em ser o primeiro! Não sabe o como fico feliz!!!

      Beijos.

      Excluir
  3. Tesão de foda....nem chama os amigos...

    hehehehe

    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ooopa, meu caro. Mil perdões! Quero marcar com o Marcelo e com a Marcela, para o final do ano mais um encontro daqueles, de arromba mesmo. Se estiver livre, bora lá.

      Abraços.

      Excluir
  4. Edgar nem sei mais o que falar... que foda deliciosa, que mulher espetacular!

    Já bati várias punhetas para a mineirinha safada, muito tesuda... por favor, peça pra ela te mandar uma foto para ilustrar o último post com chave de ouro...que mulher!!

    Cara, que sortudo que tu és... parabéns mesmo! Fiquei louco pra comer esta mulher, louco....

    Os posts estão excelentes, muito bem escritos e cheio de detalhes, demais Edgar, continue por favor!!

    Agora vc comendo ela na pia do banheiro, pqp, que tesão, e ela amando perder o cabaço do cú, foi demais...esta mulher é perfeita.

    Obrigado por compartilhar conosco.

    Mineirinha sua linda e tesuda, cavala gostosa, queria te comer sua delícia.

    Beijos

    Mark

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mark.

      Mais uma vez, muito obrigado pelos comentários tao bons e animadores! Pedi para a Leitora Safada uma foto para fechar o post com chave de ouro, mas ela disse que não. Parece que o maridão dela está desconfiando dos sites que ela anda acessando, portanto, não quer correr o risco. (A tatuagem que ela tem no quadril entregaria sua identidade rapidin).

      Muito obrigado pelo parabéns, mas saiba que qualquer um pode fuder uma mulher tão boa como ela. Basta procurar e trata-las bem!!! Toda mulher tem um demonio dentro de sí, e uma xota molhada querendo ser fodida. Acredite!

      Vou continuar com os contos eróticos sim. Já tenho vários nos rascunhos, prontos para serem postados!

      Abraço amigo.

      Excluir
  5. Nota 1.000 para seus contos a riqueza de detalhes é impressionante. Você conseguiu + uma vez me deixar excitada ... tarada ... louca de tesão. Eu também quero um fds assim. Então vamos ou bora.

    Garota Safada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oooras, se queres um final de semana assim, Garota Safada, vamos marcar!!!!
      Que bom que consegui te deixar louca, com tesão e tarada! Queria era te deixar assim sempre que vens por aqui. Vou escrever coisas mais excitantes para ti, pode deixar!

      Abraços e beijos quentes ;*

      Excluir
    2. Adorei os abraços e beijos quentes. Assim, eu fico mais louquinha, só querendo você. E sobre nosso fds tô falando sério, estou por aqui é só marcar.

      Garota Safada

      Excluir
    3. Oras Garota Safada, falando desse jeito, fico louco e querendo logo. vamos marcar sim. Mande-me um email!

      fotos de preferencia para saber se tu é real! :P

      Beijaaços linda

      Excluir